sábado, dezembro 03, 2005

Nunca digas adeus...

Nunca digas adeus a alguem de quem gostes...
...estarás a dizer adeus a um bocado de ti!
Procura viver as memórias ...e esse alguém estará sempre perto de ti!

D.P.

2 comentários:

anacarreira disse...

Delfim;
Em poucas palavras dizes tanto...
E conseguiste encontrar a subtileza da poesia. Dizer muito, onde se diz pouco, pela palavra implícita.
Até daqui a pouco...

AntonioPacheco disse...

Estamos a viver um breve momento de poesia, sendo assim:

"Não há longe nem distâcia":
«Gaivota», disse eu por fim, «porque me levas a ver a Rae, se sabes que na realidade já me encontro junto dela?»

Fernão Capelo Gaivota